Cadastre-se e receba ATUALIZAÇÕES EXCLUSIVAS sobre o que ESTÁ FUNCIONANDO na consultoria ambiental. 

O que realmente é ter uma empresa: a armadilha da autonomia

Em 26/10/2016 , Comments
 

Muitas pessoas da área ambiental possuem o sonho de um dia abrirem suas próprias empresas e serem donas de seu próprio nariz. Conheço muito bem esse sonho. E também posso afirmar com muita tranquilidade que o principal fator motivacional que as leva à essa conclusão, seja a busca pela liberdade.

Demorei muito, no entanto, para aprender na prática que existe uma grande diferença entre liberdade e autonomia. Tanto é que passei boa parte da minha vida empresarial trabalhando em busca da liberdade, sem perceber que na verdade eu estava caindo na armadilha da autonomia.

Para alcançar a tão sonhada liberdade, ter a empresa aberta e operante é apenas o primeiro requisito. O segundo requisito, mais difícil de compreender, é adotar o comportamento que leva à liberdade.

A principal diferença entre as duas é que na autonomia o dono se comporta como um empregado de sua própria empresa, vendendo suas horas para resolver os problemas dos clientes, ocupando-se primordialmente nas questões operacionais. Um empresário autônomo, além de ter que trabalhar muito, se parar de trabalhar, rapidamente também para de receber.

Empresários realmente livres se focam num trabalho muito mais de liderança e estratégia, orientados acima de tudo, por sua missão. Seu trabalho é sempre gerar valor - construindo um time competente e comprometido com a missão da empresa, ao mesmo tempo criando sistemas, processos e manuais que o substituem na tomada de decisões táticas e operacionais. Assim, é possível fazer com que a empresa crie vida própria – e por consequência, ofereça a tão sonhada liberdade ao empresário. Empresas auto-gerenciáveis não precisam ter seus donos por perto para que continuem os remunerando. Essa é a grande sacada.

Outra questão importante é relacionada à geração de valor. Quanto mais sistemas, processos e manuais eficientes a sua empresa possuir, mais ela se torna auto-gerenciável, mais livre é o empresário, e mais ela vale no mercado. Pequenas empresas bem montadas podem valer muito, dependendo do potencial de seu crescimento. E para a alegria de nós, consultores ambientais, também posso afirmar de peito cheio que o potencial do nosso mercado é gigantesco.

E você, está realmente trabalhando pela sua liberdade? Compartilhe comigo a sua história e suas dúvidas aqui no espaço de comentários!

# Você sabia que uma das maiores dificuldades dos consultores ambientais é saber como calcular com exatidão o preço de venda de seus serviços e empacotá-los em um formato de proposta técnica MATADORA, capaz de deixar os clientes de queixo caído e ainda por cima loucos para te contratar independependentemente do valor cobrado? Então aproveite e conheça  programa do nosso treinamento Orçamentos e Propostas Matadoras com 4 bônus exclusivos (o bônus n#3 é o que as pessoas mais gostam!). Clique AGORA nesse link: http://www.universidadedafloresta.com.br/produtos/orcamentos-e-propostas-tecnicas-matadoras-curso-online-comece-agora